Seu filho tem um amigo imaginário?

Especialista dá dicas de como os pais devem agir quando os filhos têm um amigo imaginário

amigo-imaginario-crianca-39990

Esses amiguinhos invisíveis favorecem a maturidade, trazem segurança e companhia e levam ao autoconhecimento
Foto: Getty Images

Como lidar com as fantasias das crianças? Quem responde é a psicóloga Soraya Gomiero Fonseca Azzi, de São Paulo. Confira:

É normal fantasiar?

Sim, entre 3 e 6 anos, pois faz parte do desenvolvimento emocional e cognitivo. É a fase em que a imaginação começa a aflorar. Esses amiguinhos invisíveis favorecem a maturidade, trazem segurança e companhia e levam ao autoconhecimento. É normal que as crianças deem nomes aos amigos e até descrevam suas características. Porém, essa “amizade” não pode prejudicar as relações com outras pessoas. O amigo imaginário vai embora conforme elas preenchem seu mundo com amizades reais.

Qual é o papel dos pais?

É importante entrar no jogo e não tirar sarro ou se contrapor ao novo amigo. A criança tem de ser respeitada! Pai e mãe devem agir com naturalidade e compreender que a fantasia é saudável. Uma boa é aproveitar a brincadeira para disciplinar os filhos. Por exemplo, se a criança não gosta de brócolis, diga a ela que o amigo imaginário gosta e que faz bem. Ela fica mais aberta a experimentar o desconhecido se tem o “apoio” desse colega.

Fonte: http://mdemulher.abril.com.br/familia/reportagem/filhos/seu-filho-tem-amigo-imaginario-736798.shtml

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s